Quem sou eu

Minha foto
Aparecida de Goiânia, Goiás, Brazil
Escritor, poeta, membro da ACADEMIA APARECIDENSE DE LETRAS e UNIÃO BRASILEIRA DE ESCRITORES EM GOIÁS.

quinta-feira, 2 de julho de 2009

POLICIAIS CIVIS MANIFESTAM SOLIDARIEDADE AO MAJOR ARAÚJO

A União dos Policiais Civis de Goiás, UGOPOCI, publicou, em seu site, o artigo “Um Golpe na Democracia”, em solidariedade ao Major Araújo, presidente da Associação dos Oficiais PM/BM do Estado de Goiás, e que fora “destituído” deste cargo por ordem judicial.
O manifesto acontece em um momento político no qual a Polícia Civil Goiana está em greve, reivindicando o cumprimento da lei no que se refere ao pagamento de resíduos salariais, data base e melhores condições de trabalho, bandeira esta que também fora abraçada pela ASSOF sob a presidência do Major Araújo.
Leia a seguir, trechos deste manifesto:

No último dia 17 fizemos contato com a ASSOF – PM-BM para convidar o seu presidente, Sr. Major ARAÚJO, para participar de uma reunião de entidades de classe, ocasião em fomos surpreendidos ao saber através de colegas da Polícia Militar que o mesmo não era mais o presidente da ASSOF, isso em razão de que havia sido afastado “destituído” da presidência daquela associação por determinação judicial. E que tanto o Major ARAÚJO quanto o SD – TELES estariam presos no Quartel da Ajudância Geral.
................................................................................................................................................................
Pois bem, execraram o Major ARAÚJO e o SD TELES, mas esqueceram propositalmente de dizerem algumas verdades, assim, passamos a elas:
O Major ingressou na corporação em 1987, portanto há mais de 20 (vinte) anos, desde sua investidura até a presente data, pelo que sabemos, não consta em seus assentamentos funcionais qualquer punição, consta sim vários elogios e comendas que recebeu ao longo da carreira, inclusive a Medalha Dom Pedro II, mais alta condecoração concedida pelo Corpo de Bombeiros Militar de Goiás. Como pode então ser nocivo à sociedade pelo fato de estar reivindicando direito líquido e certo seu e de seus representados, ora, se há alguém descumprido a Constituição e a Lei, esse alguém é o Governador, inclusive se mostrar inerte apático, demonstrando quase um estado letárgico.

...................................................................................................................................................................
O mais grave de tudo que foi colocado é entender que a conveniência sobreponha ao direito, todas as instituições associativas e sindicais existentes em Goiás correm sérios riscos de sofrerem o mesmo que ocorreu com a ASSOF – PM/BM, o que se mostra um retrocesso para o processo democrático e conseqüentemente à evolução social. A permanecer como está, estaríamos voltando ao tempo do Coronelismo, algo já superado em dias presentes.
............................
Finalizando, repudiamos e consignamos nosso apoio, dizendo: não queiram atingir o homem de CARÁTER naquilo que lhe é mais precioso, SUA HONRA, QUALIDADE QUE ASSISTE A POUCOS.

Goiânia 24 de junho de 2009.


União Goiana dos Policiais Civis
.................................................................................................................................................................

Leia a matéria na íntegra em http://www.ugopoci.com.br/index.php

Nenhum comentário:

Postar um comentário